Futsal: Supertaça feminina em risco

O Soutelense ameaça faltar à Supertaça em seniores femininos, este sábado. Em causa está “a atitude da AFVC em marcar o jogo para as 14h30, bem como não ter respeitado as decisões tomadas pelos clubes que representa – como a cronometragem de todos os jogos da Festa do Futsal – mostrando um claro desrespeito não só pelo Futsal como também pelo desporto no feminino”, segundo os responsáveis do clube de Freixieiro de Soutelo.

Entretanto, a direcção do Soutelense enviou uma carta à AFVC, com a aprovação da outra formação envolvida no jogo, o Castanheira. O DEV passa a transcrever a missiva endereçada ao presidente da AFVC, Jorge Sárria.

“O C. Soutelense D.C. teve conhecimento, através do comunicado enviado, que a hora do jogo da Supertaça foi alterada para as 14:30h do dia 12 deste mês, assim como as condições que teriam sido combinadas para a realização deste jogo, nomeadamente o tempo cronometrado em duas partes de 20 m, o prolongamento em caso de empate.

Apesar de não sermos uma equipa profissional, levamos o nosso trabalho muito a sério, assim como o desenvolvimento desta modalidade e, neste momento, parece-nos que a AFVC não está a levar a sério, não só, o nosso trabalho bem como a modalidade que representa e muito menos o Desporto no feminino.

A alteração da hora, que por si só já era má, irá fazer com que as atletas que participam neste jogo terão que ter terminado o almoço por volta das 12:00h para poderem estar em condições de disputar um jogo desta importância (não nos podemos esquecer que se trata de uma final!), além disso, nenhuma delas está preparada para jogar a esta hora, normalmente os treinos acontecem entre as 19:00h e as 22:00h e como tal seria a esta hora que as mesmas apresentam disponibilidade para alcançar o máximo desempenho, também não nos parece que, para um jogo desta importância, ser disputado às 14:30h fará com que haja público suficiente que dignifique um jogo ao qual chamaram de SUPER TAÇA!

O facto deste jogo ser disputado em duas partes de 20 m com o tempo corrido (todos os jogos do campeonato Distrital assim como os jogos da taça da associação foram disputados em duas partes de 30 m de tempo corrido e, nos jogos a eliminar, a existência do prolongamento em caso de igualdade no final do tempo regulamentar) faz-nos pensar que a AFVC considera este jogo como um jogo de menor importância.

Posto isto, agradecemos que a AFVC se dignifique a responder a questão que levou a alterar as condições previamente combinadas, bem como à marcação de um jogo desta importância a esta hora.”

Por motivos profissionais o DEV só agora teve oportunidade de contactar a AFVC, para obter uma posição sobre este assunto, esperando, a todo o momento, uma resposta.

JDR

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s